Seminário “Novos Voôs no Picadeiro” (Reflexões, desafios e horizontes do circo social)

Só no ano passado o Disque 100, ligado ao Departamento de Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos, recebeu 80,4 mil denúncias de abusos contra menores de idade em todo o país. Destas, 2.277 vieram de Goiás. Segundo estatísticas da Secretaria de Segurança Pública do Estado, de janeiro a junho de 2016, já foram registrados 50 casos de estupro de vulnerável. Na cidade de Goiânia, os tipos de violência mais comuns contra crianças e adolescentes são a violência física (73,16%) e sexual (71,37%). Número que pode ser ainda maior, visto que nem sempre há denúncias desse tipo de crime.
Visando atender então estas crianças e adolescentes que vivem em situação de vulnerabilidade foi que o Circo Laheto, integrante da Rede Circo do Mundo Brasil, nasceu em Goiânia há 20 anos. Por meio de atividades artísticas, lúdicas e circenses a equipe não apenas forma artistas, mas cidadãos. A Escola de Circo, que oferece gratuitamente atividades circenses, em conjunto com ações de estimulo a leitura e artes integradas, numa perspectiva de educação integral, comunitária e crítica, já atingiu diretamente cerca 1.000 famílias e 4.500 crianças e adolescentes, e, indiretamente, outras de 20.000, além de 550 professores e 100 mil pessoas.
O trabalho desenvolvido tem como princípio a promoção da arte e do lúdico como meios de uma educação integral e humanizadora, o fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários para a construção de uma cultura de paz e o desenvolvimento do trabalho em rede para a superação de direitos violados, utilizando a metodologia e os conceitos do Circo Social.
Para isso, o Circo Laheto promove no dia 11/07/ 2016 o seminário, “Novos Voos no Picadeiro” (reflexões, desafios e horizontes do circo social). Artistas e arte-educadores de Escolas de Circo das regiões Centro-Oeste, Norte e nordeste do Brasil, além de um representante do Cirque du Soleil, vão discutir os resultados e avanços do Circo Social e trocar experiências. As atividades são gratuitas e acontecem no Auditório da Faculdade de Educação da UFG, na Praça Universitária.
O seminário contribui para a promoção e difusão de práticas que buscam favorecer a identificação destes jovens com o universo mágico do circo e com seus valores cooperativos e associativos, oferecendo-lhes oportunidade de uma nova experiência individual e coletiva.
Além do seminário acontece do dia 11 a o dia 15 07 na sede do circo Laheto uma formação em circo social para 30 jovens de 06 estados brasileiros Goiás, Tocantins, Para, Amapá Mato grosso e Matogrosso do sul.

IMG-20160706-WA0001

Publicado em Destaque, Eventos.